quarta-feira, 12 de maio de 2010

Polícia acredita que kit gás causou explosão em carro de PM


Policial está em estado grave, com 80% do corpo queimado.
Laudo da perícia deve ficar pronto em 30 dias.

O delegado Fábio Barucke, da 35ª DP (Campo Grande), descartou a possibilidade de o soldado da PM Braz Luiz de Oliveira ter sofrido um atentado. Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil, policiais do Esquadrão Antibombas estiveram no local. O laudo da perícia realizada no carro do PM só fica pronto em 30 dias.

Barucke disse ainda, por meio da assessoria, que há grande possibilidade de a explosão do carro ter sido provocada por um problema no kit gás instalado no veículo.

Explosão na garagem
O carro particular do soldado Braz, do 40º BPM (Campo Grande), explodiu na manhã desta terça-feira (11), na garagem de sua casa, na Rua São Tito, em São Basílio, em Campo Grande, na Zona Oeste do Rio. Segundo a PM, a explosão aconteceu quando a vítima ligou o carro.

O PM foi levado para o Hospital Rocha Faria, também em Campo Grande. Segundo a Secretaria estadual de Saúde, o policial está em estado grave. Ele está no centro cirúrgico com 80% do corpo queimado. O carro ficou completamente destruído.

Fonte: G1
←  Postagem mais recente Postagem mais antiga  → Página inicial

0 comentários :

Rádio Guerreiros do RN

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=

=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=-=